Estilo de vida saudável contribui para viver sem doenças?

0
1023

Esse foi o grande questionamento de um grupo de pesquisadores que teve seu trabalho publicado na prestigiada revista JAMA Internal Medicine agora no início do mês. O estudo multicoorte, prospectivo de multicamadas, incluindo 12 estudos europeus como parte da metanálise, buscou estimar a associação entre estilo de vida saudável e o número de anos de vida livres de doença, em um grupo com 116043 participantes.

Como parte da metodologia, quatro fatores basais do estilo de vida (tabagismo, índice de massa corporal, atividade física e consumo de álcool) receberam uma pontuação com base no status de risco: ideal (2 pontos), intermediário (1 ponto) ou ruim (0 pontos), resultando em uma escore agregado de estilo de vida variando de 0 (pior) a 8 (melhor). Dezesseis perfis de estilo de vida foram construídos a partir de combinações desses fatores de risco.

Os resultados indicaram uma associação estatisticamente significativa entre estilo de vida saudável e um número aumentado de anos de vida livres de doença. Dos 16 perfis diferentes de estilo de vida estudados, os quatro que foram associados aos maiores anos de vida sem doenças incluíram índice de massa corporal menor que 25 e pelo menos 2 de 3 fatores: nunca fumar, atividade física e consumo moderado de álcool.

Portanto, esse estudo de grande relevância científica identificou de fato, benefícios a longo prazo acerca da adoção de um estilo de vida saudável, o que sempre discutimos aqui por meio da medicina do estilo de vida, resultando em ganhos nos anos de vida sem doenças crônicas.

 

 

 

Referências bibliográficas:

 

Nyberg, S. T., Singh-Manoux, A., Pentti, J., Madsen, I. E. H., Sabia, S., Alfredsson, L.; Kivimäki, M. Association of Healthy Lifestyle With Years Lived Without Major Chronic Diseases. JAMA Internal Medicine, 2020.  doi:10.1001/jamainternmed.2020.0618

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome